Dedetizar ou detetizar?

Afinal, o certo é dizer dedetizar ou detetizar? Dedetizadora ou detetizadora? Seja como for, o importante é que esse é um meio de expulsar das nossas residências as pragas urbanas que tanto incomodam e que podem inclusive trazer problemas mais sérios como doenças.

Dedetização

A popularização da dedetização doméstica ocorreu a partir dos anos 1960. Hoje, a dedetização, ou desinsetização, é muito procurada principalmente por quem mora em regiões mais populosas e que por consequência acumulam mais lixo e outros resíduos, excelentes "casas" para as pragas urbanas. A detetização é um método utilizado para afastar e eliminar pragas como pulgas, baratas, ratos, formigas, moscas, escorpiões, entre outros.

Dedetizar ou detetizar?

Detetizar afasta e elimina os insetos

Para o controle de pragas, existem alguns métodos específicos de dedetização. A desratização, própria para afastar e eliminar roedores, a descupinização, direcionada aos cupins, e a desinsetização, outro nome da dedetização, e que acaba com os insetos.

A dedetização pode ser feita por diversos meios. As técnicas mais usadas são a pulverização, que é a mais antiga e a mais comum das técnicas de aplicação. O inseticida é diluído em água em um tanque acoplado a um aparelho pulverizador, e depois bombeado por uma alavanca manual que pressuriza o líquido. Quando o gatilho é pressionado o inseticida sai através de um bico dosador e pode ser aplicado em superfícies ou nos locais de infestação; a atomização, em que usa-se um atomizador com motor à gasolina de 2 tempos ou motor elétrico. O motor faz girar uma ventoinha que cria um turbilhão de "vento" em uma espécie de duto que transforma o líquido inseticida em finíssimas partículas. A vazão é controlada com um registro com 4 níveis de abertura; o polvilhamento, em que usa-se uma polvilhadeira para aplicação de inseticida em pó; e a aplicação de gel, que pode ser feita através de uma pistola aplicadora cuja regulagem é feita para que o gel saia em forma de gotas. Alguns inseticidas em gel são envasados em recipientes similares a seringas, e possuem a mesma finalidade. Os géis de dedetização podem ter diversas aplicações e servirem para exterminar diferentes pragas, como baratas, formigas, cupins... Os animais se alimentam do gel, levam a substância até o ninho, e lá exterminam a colônia e acabam com a dor de cabeça, pelo menos por um bom tempo.

A desratização pode ser feita por meio de aplicação de iscas atrativas, pó de contato, placas e armadilhas, além da colocação de barreiras físicas que impeçam a aproximação do roeador. No caso da descupinização, tudo depende da espécie de cupim a ser combatida. Existem por exemplo cupins de madeira, brocas de madeira, cupins de solo, cupins de árvore, etc. Os tratamentos podem ser feitos via injeção na madeira atingida, barreira química, iscas, pincelamento e polvilhamento.

Dedetizadoras

Se você quer escolher uma empresa de dedetização na sua região, é importante levar em consideração alguns pontos.

O preço é um ponto relevante, mas não pode ser fator decisivo, pois nem sempre a dedetização mais em conta é ruim e nem a mais cara é a melhor. Outro item a ser considerado é o treinamento da equipe que vai atender. Antes de contratar, faça perguntas, procure saber quais são as técnicas e quais tipos de produtos são usados, enfim, não tenha vergonha de tirar dúvidas, pois é melhor assim do que depois ter a saúde prejudicada.

Dedetizar ou detetizar?

Escolha uma dedetizadora qualificada

Se não for contratar as dedetizadoras mais famosas e conhecidas, procure as de bairro, mas aquelas que tenham boas indicações anteriores. É importante que elas ofereçam serviços completos, disponham de todo o material necessário para uma desinsetização, desratização ou descupinização. Algumas delas prestam serviços específicos, como só desratização ou só eliminação de cupins, mas seja como for, é de suma importância que os serviços sejam extremamente bem executados para evitar ao máximo o retorno das pragas.

E uma dica importante para quem vai receber os serviços: mantenha sempre limpa sua casa ou seu escritório, ou qualquer que seja o ambiente a ser dedetizado. A higiene não garante a eliminação dos animais, mas diminui e muito a possibilidade de reinfestação ou ataque de novas pragas urbanas diferentes da anterior ou das anteriores.

Deixe um comentário