Fazer download de musicas

Fazer download de músicas é um gesto quase automático hoje em dia, principalmente entre os mais jovens. Limeware, Kaazar, Torrent e inúmeros sites oferencem músicas para baixar gratuitamente e isso entra em conflito com o ultrapassado conceito de direitos autorais.

Caso recente desse conflito foi a briga que culminou no fechamento da comunidade “Discografias”, do Orkut. A responsável pela retirada do site foi a AACM (Associação Antipirataria Cinema e Música).

Mas o que é pirataria? Todos nós somos piratas? Será que o pessoal da AACM nunca baixou um arquivinho sequer de forma “ilegal”?

Bem, isso me parece apenas um movimento desesperado de náufragos, que se agarram ao primeiro objeto que lhes aparece pela frente para manter-se vivos. A idéia de direitos autorais está defasada e não é porque eu quero isso ou porque o Papa disse, ela está morta porque a tecnologia disponível determina isso e não adianta chorar, tentar deter a tecnologia ou fazer discursos demagogos sobre ética.

Vejo artistas fazendo campanha contra download de músicas… esses mesmos artistas que, há alguns anos, desciam o pau nas políticas de gravadoras sobre como elas administravam os direitos autorais e lhes pagavam uma vergonhosa porcentagem por sua própria obra.

Não se preocupem. Não será a arte que vai morrer porque você está baixando uma música na internet, mas sim as grandes gravadoras e monstros decadentes. Quanto a forma de divulgação e marketing… também não há com o que se preocupar… as questõess encontrarão seu caminho.

12 comentários
  1. Posted by ana margarida
  2. Posted by Filipe
  3. Posted by joão carlos de souza
  4. Posted by joana
  5. Posted by ithalo
  6. Posted by JOAQUIM GRACIANO MADRUGA JUNIOR
  7. Posted by fernanda eduarda
  8. Posted by samara
  9. Posted by jose augusto
  10. Posted by diana
  11. Posted by Guilherme
  12. Posted by Júnior